Quanto custa SEO? 3 Analogias para lhe ajudar a determinar e explicar seu valor

seo“Porque você não pode me dar uma resposta direta?”

A voz de Johanna mostrava um traço de irritação.  “Tudo o que estou perguntando é quanto você cobra pelo serviço de SEO!”

Eu sorri, pois esta é uma questão bem familiar. Como um consultor de SEO, quase todo cliente me faz uma pergunta similar a esta. Minha resposta é quase sempre a mesma.

“Isso depende de muitas coisas. Porque SEO não é uma solução do tipo plug and play.

“Espere, você é um especialista e não pode me contar quanto você cobrará?!”

É nessa hora que explico porque e como o SEO funciona, e o processo dinâmico de ajustar o preço para cada consultoria.

De um modo geral, compartilho aqui 3 analogias que eu uso para tornar tal questão mais fácil de se entender – a compra de um carro, um iceberg e uma represa!

Porque SEO importa

Todo cliente gosta de economizar dinheiro enquanto tem os melhores resultados em um projeto de SEO. Mas sempre pensando em economizar dinheiro, pode tirar os olhos da questão mais importante e que é, de forma inteligente, alocar seu orçamento de marketing através de várias táticas, dos quais o SEO é, muitas vezes, o de custo mais eficaz.

SEO não é simples ou fácil. O próprio Google classifica sites com base em mais de 200 critérios de classificação – e mantém aprimorando o algoritmo constantemente, até 600 vezes em um ano.

Então, se um “especialista” dá uma olhada no seu site e diz de cara o “preço total” para seu trabalho com SEO, corra para as montanhas (ou pelo menos tenha bastante cautela). Claro, eles podem corrigir algumas deficiências mais evidentes, ou ajudar você a escolher os frutos mais baixos – profundada verdade e duradouro é muito mais do que isso.

Simples pacotes ‘ouro’, ‘prata’ e ‘bronze’ não funcionam para SEO, pois SEO não é algo que você instala ou aperta algum botão no site. Não é uma operação de ‘um tempo’. Bom SEO é um processo, e pesquisa e planejamento são componentes críticos.

É por isso que nenhum consultor de SEO pode fazer uma estimativa de cabeça, ou definir um “preço por site” por seus serviços. Tudo depende de seus objetivos e metas, a natureza do seu negócio, o seu público, e muito mais.

Há uma boa razão por que, como cliente, você não deve incidir sobre o custo sozinho. É melhor se concentrar em indicadores chave de desempenho (KPIs) de seu negócio, tais como o custo de aquisição, o lucro por venda, taxa de conversão e outros.

Com um serviço de SEO barato você pode economizar algum dinheiro, mas você não vai ganhar muito com isso também. É como comprar um produto de baixa qualidade, pode funcionar mas com uma durabilidade e eficácia bem menor se comparado com um bem planejado e bem projetado.

Então, pergunte a si mesmo estas questões críticas em primeiro lugar:

  • Por que você está mesmo pensando em contratar um consultor de SEO?
  • SEO vai ser apenas seu álibi, ao invés de sua “arma secreta”?
  • Você está procurando SEO para lhe ajudar só porque todo mundo está fazendo isso, ou o seu departamento de marketing insiste em tentar isso? Ou você está desenvolvendo uma estratégia de SEO para melhorar seus rankings, e junto com ele o seu lucro?

Em seguida, dependendo do tipo de cliente, trago uma (ou todas) das três analogias a seguir.

Analogia 1: SEO é como comprar um carro, o preço varia de acordo com o veículo necessário

Johanna continuou balançando a cabeça, ouvindo atentamente tudo o que eu disse … mas ela ainda não estava convencida.

“Bem, isso é bom”, continuou ela. “Mas eu ainda quero saber o que vai custar para eu ter meu site otimizado para os mecanismos de busca. Quanto é que custa SEO?”

Perguntei-lhe: “Quanto custa para comprar um carro?”

Johanna ficou um pouco confusa. “Ora, isso depende.”

“Exatamente”, disse. “O preço que você vai pagar por um carro vai depender da marca e modelo, seu tamanho e propósito, onde você vai dirigí-lo, e com quem. Uma sedan robusoa para a sua família terá um preço diferente de um carro esportivo!”

Serviços de SEO também variam de preço dependendo do que você quer dele. A melhor estratégia de SEO começa por avaliar as necessidades e os problemas dos seus clientes potenciais. Em seguida, implementar o SEO como um ímã para atrair apenas os leads mais relevantes no vasto oceano de internautas online.

Configurar seu site para fazer isso de forma eficiente e eficaz não é fácil. A construção de uma landing page com foco destinado a sub-segmentos de seu público pode desenhar uma inundação de tráfego relevante que converte bem em clientes. Mas conseguir isso da forma certa leva tempo e recursos.

SEO barato é como a caça do negócio. Você pode poupar algum dinheiro, mas você não vai ganhar muito. A maneira que pratico SEO não é uma adivinhação que coloca em risco negócios de um cliente. Pesquisa e análise vêm em primeiro lugar, muitas vezes seguidos de um encontro cara a cara com os clientes para reunir todas as informações relevantes.

Não há uma chave ou um padrão, você não pode comprá-lo, instalá-lo como se fosse um plugin e se sentar. SEO é dinâmico e está em constante evolução. Os fatores de rankeamento estão em fluxo constante, e são afetados por diversos fatores externos, e não apenas implementações on-page.

SEO não é também sobre consertar coisas. Ver o SEO como uma solução rápida para as vendas reduzidas ou de tráfego é um grande erro. Você só vai acabar largando dinheiro na mesa (muito dele!)

Um bom SEO deve entregar um ROI enorme. Não é apenas sobre a obtenção de classificações elevadas e mais tráfego, cliques e visualizações de páginas. É sobre a converter esses visitantes em clientes pagantes. O que acontece antes de a página de destino tem um grande impacto sobre as taxas de conversão.

Uma consultoria de SEO de alto nível irá ajudá-lo a:

  • encontrar a intenção de seus clientes, as necessidades e os problemas prementes.
  • identificar as suas expectativas de sua empresa ou site
  • decidir como você vai entregar o valor (na página de destino)
  • descobrir áreas de rentabilidade
  • escolher gatilhos que convertem visitantes em clientes
  • personalizar a experiência para cada visitante
  • Recebendo todos esses elementos de SEO direito tem um monte de tempo. Saber por onde começar para o melhor, resultados mais rápidos leva a investigação será tremenda. Mas o investimento vale a pena, porque você vai ganhar um alto retorno.

É por isso que SEO não deve ser visto como um custo. É um investimento. Que compensa para um longo período de tempo.

Analogia 2: SEO é como um Iceberg, grande parte está escondida, mas tem um enorme impacto

Diz-se que 90% da massa de um iceberg está sob a água, escondido de nossa vista. SEO é exatamente o mesmo.

Enquanto você pode ver apenas o atraente posicionamento no topo no Google como o impacto de seu SEO, há uma centena de elementos invisíveis em jogo, todos trabalhando em conjunto para entregar o impacto coletivo de otimização inteligente.

Como icebergs, SEO tem alguns riscos graves para equilibrar as grandes oportunidades que criam. Barcos, navios, cruzeiros e navios de até mesmo o oceano ter encalhado em pedras escondidas sob o mar. E inúmeras empresas pagaram um preço alto para campanhas mal executadas de SEO.

Principalmente se essas campanhas foram lideradas por amadores. Donos de empresas podem erradamente pensar que qualquer consultor de Internet é capaz de realizar uma campanha de SEO “boa o suficiente”, e entregá-la a um Web designer ou desenvolvedor.

Só porque eles já estão lá codificando ou desenhando seu site não é uma razão para empurrar o SEO em cima de um web designer ou programador. Isso é como dizer que você só vai receber o seu encanador para fazer a fiação, porque ele já está trabalhando nas paredes! Os desenvolvedores da Web são em grande desenvolvimento. Especialistas em SEO são os melhores em SEO.

Às vezes, por pura sorte (ou mesmo acidente), você pode possuir um grande negócio com bom posicionamento nos mecanismos de busca e um fluxo constante de tráfego que vem dentro Isso é “bom o suficiente” – mas com SEO, pode tornar-se muito mais. E só um especialista pode obter resultados positivos.

SEO é bem conhecida por ser uma das mais rentáveis formas de marketing. Por esta razão, SEO deve ter um orçamento maior. No entanto, mesmo após dados de Web Analytics provarem além da dúvida que SEO é o vencedor absoluto em dirigir mais tráfego, muitas empresas dão pouca atenção a ela.

Na arena competitiva on-line de hoje, SEO não pode ser relegado ao status de um trabalho de segunda mão por mais tempo.

Não é uma tarefa trivial para ser entregue a um amigo ou primo distante que sabe “corrigi-lo”. Ele não deve ser adiada até que o site esteja pronto para o lançamento. SEO deve ser a primeira coisa a se concentrar. E há uma razão para isso.

Nem todo mundo vai chegar ao seu site através da página inicial. Os motores de busca não vai perguntar qual de suas páginas de destino que você deseja ter listados em seu diretório. Pesquisas genéricas em palavras-chave críticas do irão direciona-los a diferentes pontos de entrada em seu site. Muitos visitantes vão entrar por estas portas laterais, não pela porta da frente.

Saber por que eles “desembarcaram” em seu site, o que eles esperam encontrar, e que motiva ou leva-os a procurar a sua solução é uma informação crítica se você está a captar a sua atenção, manter o seu interesse e ganhar sua confiança.

Como você vai otimizar cada página em seu site grande mais tarde?

É muito mais fácil planejar com antecedência. Isso é algo que insisto com os clientes de SEO. Afinal, se o seu site (ou qualquer parte dela) não é importante o suficiente para você fazer isso, qual é a razão de sua existência?

Analogia 3: SEO é como uma represa – Abrindo as comportas, o tráfego continua fluindo

Barragens em grandes rios para estocar água. Pense em mecanismos de busca como o Google como enormes represas que armazenam seus visitantes-alvo, e sua listagem no SERPs (páginas de resultados do mecanismo de busca), como buracos na barragem. Soque eles o suficiente e você vai ser inundado pelo tráfego!

Isso é um grande motivo para começar a otimizar seu site agora mesmo – e não levá-la em pequenos passos, mas ir para uma grande revisão.

Não importa o nicho que você está envolvido, sempre há palavras-chave ‘com sinal verde’, com potencial para conduzir uma grande quantidade de tráfego para seu site por anos. E este tráfego é grátis! Ele vai continuar sem qualquer rombo no seu orçamento de marketing ou proposta em curso.

Otimizar apenas uma página em seu site só vai entregar um fluxo de tráfego extra. E se você abriu as comportas?

A pesquisa de palavras-chave irá revelar que muitas pesquisas são realizadas em negócios relacionados e palavras-chave genéricas “non-branded”altamente relevantes. Estas são usadas por pessoas que nunca ouviram falar sobre você, mas estão focados em suas necessidades e problemas, buscando ativamente soluções. Essa é a “água” por trás da “barragem”, que você pode receber através de SEO.

Ou, se você não gosta da idéia de perfurar buracos em uma represa, pense em sua pesquisa de palavras-chave como encontrar um pinata, um recipiente decorado de papel machê, cheio de doces, que você pode quebrar aberto para obter um deleite. SEO é o rei dos doces!

Falando de doces, um site sem projeto estrategicamente planejada é pouco mais do que um olhar doce. Se tudo o que faz é um olhar agradável sem oferecer qualquer valor, então é como brincar de “doces ou travessuras” com as crianças – mas mantendo todos os doces para você mesmo!

Outros elementos do SEO são importantes. Você deve usar SEO como uma forma de converter e envolver os seus visitantes. Saber da intenção por trás das palavras-chave que levam os visitantes para uma página individual em seu site será uma valiosa informação para seu time de design e desenvolvimento criar páginas cada vez mais alinhadas com as necessidades de seus clientes.

Mas não deixe que sua equipe de designers comece a desenhar seu projeto ou seu programador começar a codificar suas páginas antes que você tenha finalizado uma estratégia de SEO e feito sua análise de palavras-chave. Essa é a plataforma sobre a qual você pode construir o seu sucesso futuro.

Você pode conseguir tudo certo. Sua estratégia de marketing pode cobrir todas as bases – O SEO mais pesado, pesquisa social, busca local, otimização móvel – e pode integrar perfeitamente com outras partes do seu marketing offline e digital. Mas sem uma boa investigação de palavra-chave subjacente a isso tudo, você está apenas construindo uma super estrutura sobre a areia movediça. Isso não é apenas inteligente ou eficaz.

Em 2012 ou 2013, eu estou supondo que a mídia busca e social irá se fundir. Pesquisando palavras-chave genéricas de cauda longa e mesclá-los com termos locais, como cidades, nomes de lugar e mais vai se tornar importante. O crescimento da busca móvel e da sensibilização e experiência de usuários nos motores de busca em geral vai aumentar esta tendência.

Quando você sabe o que os pesquisadores experientes estão procurando, identifica as palavras exatas e combinações que eles usam, e mapeá-los para páginas individuais em seu site, isso fará a diferença entre 1% dos usuários e uma taxa de conversão de 20%.

Você acha que isso pode ser uma boa idéia para aumentar os ganhos de uma página individual em 20% ou mais? Definitivamente, sim!

Você acha que é um trabalho fácil e rápida de fazer isso para cada página? Absolutamente não!

Um site de comércio eletrônico extenso, com milhares de produtos para a venda terá potenciais compradores com gostos e necessidade totalmente (ou pelo menos um pouco) diferentes. Otimizar seu site para cada um deles é importante. O texto em seu site, o aspecto visual, os produtos e serviços que apresentam a eles – todos precisam se encaixar no conceito de uma “solução ideal” que o visitante tem em sua mente.

Se você adicionar valor às suas vidas com base nas necessidades individuais excepcionalmente, vai impulsionar as vendas.

Quem deve ser responsável por seu SEO?

seo cloudDefinitivamente não deve ser o TI. O projeto deve ser de propriedade de seu departamento de marketing.

Em uma conferência local no SEM alguns anos atrás, eu ouvi o termo “Unidade de Prevenção de Negócios” aplicada ao departamento de TI! Houve um breve silêncio atordoado. Poucos segundos depois, todo mundo começou a rir.

Durante os intervalos e em outras apresentações, as pessoas falavam sobre esta observação. É especialmente atraente para mim, porque muitos dos meus clientes começam a pensar em SEO como um desafio puramente técnico. Isso é muito errado!

SEO é se tornar um detetive, um caçador, um explorador. Você está à procura de oportunidades escondidas dentro da psicologia de seus prospects e clientes.

Esta é uma mentalidade que é totalmente estranha para um gerente de TI técnico, administrador de servidor, programador, web designer ou outro. Se você quer colocar comida na mesa, contrate um caçador!

Ao mesmo tempo, é aconselhável manter em mente que SEO é um jogo de equipe. Um de meus clientes corre um grande site com mais de 10 milhões de páginas indexadas no Google. Otimização de cada um deles, individualmente, é simplesmente inviável. Seria muito dispendioso em tempo e dinheiro. Manualmente aprimorando cada página não é prático, mesmo que seja a solução ideal.

Portanto, uma estratégia de SEO é crítica.

Onde está o maior lucro? Onde devemos nos concentrar para alcançar os objetivos de negócio estabelecidos estrategicamente a longo prazo?

As respostas a essas perguntas são importantes. E automação é importante. Então é otimizar a estrutura de site e de codificação. Um plano abrangente para trabalhar em um local tão grande é obrigatório. Tendo um programador especialista e administrador do servidor como parte da equipe é útil. Com literalmente milhões de page views por dia, não vai ajudar a contratar apenas um estrategista SEO grande.

Também vale a pena ter em mente que o seu site é provavelmente o melhor vendedor de sua empresa. Mas você está o prendendo dentro de um armário! Liberte-o imediatamente.

Sabendo que SEO é uma das formas mais eficientes de comercialização lá fora, é surpreendente que mais empresas não invistam fortemente nisso. É porque ele “parece bom demais para ser verdade”? Provavelmente, porque muitos dos meus clientes parecem pensar assim.

Explicando-lhes que é real e possível, é um grande desafio.

Uma parte do problema é a linguagem técnica, jargões e o linguajar utilizado por especialistas de SEO para descrever os benefícios de seu ofício para donos de empresas regulares.

Então, qual é o custo do SEO afinal?

Se você acompanhou com atenção o enredo desta matéria, você vai perceber que eu ainda não respondi a pergunta inicial de Johanna … Quanto custa o SEO?

Eu vou ficar com a mesma resposta. Depende.

Quão alto você está disposto a ir? Quão rápido você vai correr? Eu preciso saber isso para saber estimar o quanto de energia e recursos que você vai precisar.

Precificar SEO é igualmente difícil. É complexo. Existem muitas oportunidades, vários fatores externos e sinais de classificação além de um cenário. E depois, há o ceticismo natural de um cliente para superar.

SEO é bom demais para ser verdade? Consultores de SEO são vendedores de óleo de cobra que estão aí fora para enganar você?

Sim, existem charlatões e fraudes por aí, como em qualquer mercado, e você deve manter os olhos abertos e os pés firmemente no chão.

Se qualquer gerente de marketing digital ou proprietário da empresa ainda não estão levando a sério SEO, devem considerar dar um passo atrás na administração dos dias de hoje. Porque, vamos enfrentá-lo … a pessoa mais perigosa é você mesmo! Especialmente se você é um poupador de centavos procurando resultados baratos. Lembre-se, em SEO como com a vida, você colhe o que planta!

Na indústria da construção, costumava haver pessoas que cavaram com pás. A empresa que inventou e usou a “máquina de escavação” fez os resultados acontecerem mais rápido, de forma mais fácil e com menor custo.

SEO eficaz é assim. Pode lhe trazer melhores resultados mais rapidamente e com menor custo. É por isso que você não deve sequer pensar em deixar qualquer outra pessoa lidar com tarefas de SEO.

Quanto custa uma corda?

Perguntando quanto vai custar o SEO é como perguntar quanto custa a corda. Vai depender de quantos metros você precisa, a qualidade da corda, para que você pretende usá-la, ou quanto tempo você quer que dure. Você pode comprar a corda mais barata que você encontrar, mas será que vai ser bom o suficiente?

A contratação de um consultor de SEO é semelhante. Assim como a corda tem o seu preço por metro, SEO tem seu preço por projeto também – talvez um valor por hora (cada profissional tem sua forma de cobrança). Quantas horas o profissional vai necessitar e você vai pagar depende de todos esses fatores que discutimos anteriormente.

E o que você paga não é o que custa para você. Isso é definido pelo retorno que você receba em seu investimento. Se um consultor de SEO proporciona um aumento nas vendas e o lucro é de 2, 5, 10 ou 25 vezes o que você paga, não custa nada!

Então é assim que eu responder a pergunta de Johanna – que é a mesma pergunta que muitos clientes perguntam a seus consultores de SEO.

Tenho certeza que você já enfrentou alguns desafios frustrantes ao tentar explicar o valor do que você faz, para um cliente que não pode vê-lo como diferente da comercialização de uma dúzia de outras tarefas técnicas e tarefas de design. Ou quando você é chamado como um especialista em SEO para consertar as coisas depois que o site inteiro é construído e funcionando. Tem histórias interessantes que vêm à mente? Vá em frente e compartilhe-as em um comentário.

O que você faz quando você está perguntado sobre preços de um serviços de SEO? Você tem experiências pessoais ou analogias favoritas que você usa? O que acontece quando você está convidado a dar antecipadamente uma “cotação de preço fixo”? Conte-nos como você superar objeções de preço.

Como cliente, o que você procurar numa consultoria SEO? Quais são as partes que você deseja que seu consultor de SEO explicou melhor ou insistiu com mais firmeza? Por favor, deixe-nos saber, também.

Fonte: Esta postagem é uma tradução e adaptação livre do artigo original escrito por Trond Lyngbø no site Search Engine Land